segunda-feira, 8 de maio de 2017

Os quadrinhos franco-belgas de Lucky Starr, série juvenil de Isaac Asimov

Em 1951, o agente literário e escritor Frederik Pohl e o editor Walter Bradbury procuraram Isaac Asimov e sugeriram que ele criasse uma série infanto-juvenil para ser adaptada para a televisão, temendo ficar marcado por essa série, o escritor resolveu usar o pseudônimo Paul French (Paul francês em português), a série foi inspirada em Lone Ranger e o primeiro livro lançado no ano seguinte com o título David Starr, Space Ranger (As Cavernas de Marte no Brasil) pela Doubleday, em 1953, lançou Lucky Starr and the Pirates of the Asteroids, contudo, a série de TV nunca foi lançada, uma vez que em 1954 surgia a série de TV  Rocky Jones, Space Ranger, que inviabilizou o projeto.



Revista em quadrinhos de Rocky Jones publicada pela editora americana Charlton


O primeiro romance foi uma espécie de space western ou faroeste espacial, sendo inspirado no Lone Ranger, o personagem David Starr (cujo apelido era Lucky) usava inclusive uma máscara e era conhecido como Space Ranger, o romance foi ambientado em Marte, embora fosse uma obra juvenil, a descrição do planeta Vermelho foi bastante acurada com o que dizia a ciência da época. Lançado em Lucky Starr and the Pirates of the Asteroids (No Brasil: Vigilante das Estrelas), a série muda o foco de faroeste espacial para espionagem, influenciada pelos eventos da Guerra Fria. o autor escreveu outros romances Lucky Starr and the Oceans of Venus (1954) ,Lucky Starr and the Big Sun of Mercury (1956), Lucky Starr and the Moons of Jupiter (1957) e Lucky Starr and the Rings of Saturn (1958).





Em Lucky Starr and the Big Sun of Mercury, Asimov usou as suas famosas Leis da Robótica, embora tenha assumido a autoria, todos os romances foram publicados com o pseudônimo Paul Fench, a série foi uma das obras que apareceram artefatos parecidos com os sabres de luz de Star Wars.


Conforme mencionei anteriormente, a chamada Era de Prata dos quadrinhos americanos começou quando Julius Schwartz, editor da DC Comics, que também foi agente literário e editor de revistas pulps, sugeriu que fossem criados heróis baseados em ficção científica, em Showcase # 15 (Julho de 1958) foi lançado o herói Space Ranger (cuja identidade civil era Rick Starr), criado pelos roteiristas Edmond Hamilton e Gardner Fox (ambos também escritores de revistas pulp) e o desenhista Bob Brown.




Em, 1958, foi lançada a revista francesa em formatinho Sidéral da editora Artima, que publicava as histórias espaciais da DC Comics, incluindo o Rick Starr, o Space Ranger da editora, a primeira versão da revista foi cancelada em 1962. Em 1968, a editora lança uma nova versão da revista na coleção Comics Pocket (quadrinhos de bolso em inglês, publicados no formato 13 x 18 cm), a série publicou quadrinizações de romances de escritores de fc como Richard Bessiere, Jimmy Guieu, J. G. Vandel, Vargo Statten e Arthur C. Clarke, na edição 46, publicada em 1975, a revista trouxe uma quadrinização do primeiro romance, David Starr, Space Ranger com o nome de  Sur la Planère Rouge, o texto original é creditado Paul French,o ilustrador não foi creditado, mas acredita-se que os desenhos sejam Raoul Giordan, Giordan havia  produzido outras adaptações e era conhecido por ilustrar outra revista de histórias espaciais da editora, Meteor, publicada entre 1953 e 1962, que ao lado de Les Pionniers de l'Espérance, é considerada uma das maiores séries de ficção científica da França.


;A adaptação foi republicada em álbum da coleção Comics Pocket n° 3227 e em 1980 em Collection Meteor  2 pelo selo Arédit.











Em 1991, foi lançada  uma adaptação de Lucky Starr and the Oceans of Venus com o título Lucky Starr Les océans de Vénus, produzida por Fernando Fernandez e lançada pela editora Vaisseau d'Argent, o nome de Asimov não é mencionado.






Por fim, em 1992, a editora belga Claude Lefrancq publica outra adaptação do primeiro romance, agora com o título Les Poisons de Mars, escrita por Jacques Stoquart e desenhada por E. Loutte, a editora publicou o álbum em duas versões com capas diferentes.







Ver também

Buck Rogers in the 25th century
Fontes e referências


Scientific American Brasil Exploradores do Futuro 3 - Isaac Asimov


Lucky Starr series


Meteor (périodique)



Sidéral (revue)


Sideral - Grand Comic Database

Sidéral (1re série) - Bedetheque



Sidéral (2re série) - Bedetheque

Raoul GIORDAN et Les Comics Pocket Sideral

Artima -l'âge d'or des RC

Lucky Starr - Cool French Comics
Star Wars Origins - Lightsabers

Raoul Giordan : décès d’un pionnier de la BD de SF !

Lucky Starr Les océans de Vénus - Bedetheque

Poisons de Mars - Bedetheque

Isaac Asimov en Bandes Dessinees

Les Poisons de Mars - 1952

Artima:quelques couvertures "martiennes"

Eric Loutte

Lightsabers

Nenhum comentário:

Postar um comentário